Património Natural

Rio Gresso

Afluente do Vouga, é rio de montanha, com um acentuado desnível total de 700 metros, num percurso de cerca de 7 km até à foz, formando várias cascatas que no verão, diminuem de caudal. A força das suas águas, pode estar na origem do outro nome – Rio Branco – devido à cor das águas revoltosas. O Rio Gresso nasce na Serra do Arestal, a 800m de altitude, e desagua no Rio Vouga, perto da Aldeia dos Amiais. Alimentou em tempos muitos moinhos de água, através de levadas. Tanto os moinhos como as levadas vão perdurando no tempo, embora poucos em bom estado. As duas cascatas mais importantes do Rio, uma acessível pelo PR10 – Trilho do Gresso, e outra a montante da ponte, perto da aldeia de Sanfins, são igualmente locais paradisíacos para descobrir. Ainda subsistem imponentes castanheiros nas suas margens, relíquias que sobressaem no bonito bosque ripícola. As margens do rio são também habitat para o Lagarto-de-água (Lacerta schreiberii) e a Salamandra-de-pintas-amarelas (Salamandra salamandra) e no seu leito convivem o Melro-de-água (Cinclus cinclus) e a Lontra (Lutra lutra).

Veja também

Atividades Disponíveis

Canyoning
Caminhadas aquáticas
Pedestrianismo (PR 6 SVV - Trilho dos Amiais / PR 8 SVV - Trilho da Pedra Moura)
Observação de mamíferos
Observação da flora
Observação da paisagem

Serviços nas imediações

Alojamento Turístico

Restaurantes

Cafés/Bares

Estabelecimentos Comerciais

Serviços de Saúde

Infraestruturas de apoio

  • Passadiços

Como chegar

Autocarro:
Serviço desde Sever do Vouga até Irijó ou Couto de Esteves

Localização do Ponto

Como chegar

Autocarro:
Serviço desde Sever do Vouga até Irijó ou Couto de Esteves

Cookies

Os cookies ajudam-nos a melhorar a sua experiência de navegação. Ao utilizar o portal, concorda com a utilização de cookies. Ler mais